Rua do Xisto nº 150,
4475-509 Nogueira Maia

(351) 913 089 277
geral@centroanastacia.com

Oshanla

|
Escrito por Okanbi / Omo Aggayú

 oshanla

 

Oshanla é um dos caminhos ou manifestações de Obbatalá. É feminino e é uma das suas manifestações físicas com mais idade, é representada como uma anciã friorenta e temerosa, que necessita ser tapada com uma manta branca. Nasce no signo Oggunda Melli e é a esposa de Obatalá Oshagriñán, no entanto outros afirmam que é a esposa de Olofin, por isso o seu colar leva nácar como de Olofin, que é completamente de nácar. Um dos seus atributos é o marfim, porque o seu colar a cada 16 contas deve levar marfim ou na falta deste, nácar.

santeria ou santaria cubana em portugal

As suas pedras vão à parte, e é igual em todos os caminhos de Obatalá femininos. Dentro da sua taça leva um círculo de chumbo em cima de um ayé. Leva também um sabre pequeno, duas faixas de pele de touro, 16 caracóis, e às vezes um cetro (paoyé) de metal branco e um cifre. Também dentro da sua taça leva 2 ovos de marfim ou de cristal, e um tecido branco. Dentro da sua taça coloca-se algodão e penas de louro. Leva ao lado da taça uma boneca com um rosário branco. 

Alguns a consideram cega, num dos patakí afirma-se que ensinou uma criança a ler. Tece e borda sentada na sua cadeira. Deve saudar abraçando-a e deitando a cabeça no chão por 2 vezes. Oshanlá é a luz que aparece, a mãe da fabulosa luz. Chama-se assim, já que é um fenómeno luminoso desde o começo do seu culto. Oshanlá protege as comunidades humanas e é a patrocinadora e propiciadora da cultura. Existem debates acerca deste Orishá, é o mesmo que Orishanlá, o qual se representa como um ancião venerável que partilha muitas das suas características.

 

 

Okanbi

Com a bênção do meu Pai Aggayú e Yemanjá

Para qualquer outra questão sobre este texto, pode-nos escrever para o nosso correio eletrónico e darei mais explicações ou retirarei dúvidas.

 

 

 

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Categoria: