Rua do Xisto nº 150,
4475-509 Nogueira Maia

(351) 913 089 277
geral@centroanastacia.com

Os passos numa iniciação na Santeria

|
Escrito por Okanbi / Omo Aggayú

iniciação na santaria

 

Neste texto em seguida coloco os passos necessários que devemos dar quando desejamos entrar na santeria. Todos os passos começa primeiramente na escolha da sua Ilé de Ocha (casa de Santo) e do seu futuro Padrinho - Olorichá. Nesta etapa, é muito importante salientar que essa escolha deve ser a mais acertada, pois após a iniciação NÃO PODE E NEM DEVE MUDAR DE PAI DE SANTO. Será um compromisso até ao fim dos seus dias e este compromisso somente pode ser rompido pela morte do seu Padrinho, uma falta grave por parte do seu Padrinho ou se Elleguá indicar que precisa de mudar de Ilé de Ocha. santeria ou santaria cubana em portugal

Por outro lado o Olorichá também deve ter sempre o cuidado em aceitar um futuro afilhado, pois tanto pode trazer muita alegria e paz a sua Ilé, como muitos problemas e preocupações. Ainda nesta fase, o futuro iniciado começa por ser consultado pelo Olorichá, em que nessa consulta verifica-se o Oddú da pessoa, o seu Orichá tutelar entre diversas outras situações. Nesta fase, ainda quem indica se essa pessoa possa vir a ser iniciada pelo Oloricha, é Elleguá (dono e senhor de todos os caminhos nesta vida), pois só é ele que diz se o Oloricha deverá aceitar em sua Ilé essa pessoa. Em caso de afirmação, então irá passar por várias etapas.

 

1 ETAPA - COLOCAÇÃO DE COLARES

A colocação de colares será a primeira etapa na Santeria, uma cerimónia de muita importância devido ao facto da pessoa a ser iniciada obter a primeira ajuda do seu Anjo tutelar e um acordo entre a pessoa a ser iniciada e o seu Orichá pessoal. Passa nesta primeira fase, por uma limpeza de ewe (ervas sagradas), rogação de cabeça e colocação de 5 colares. Cada caso, pode variar o número de colares a ser colocado, dependendo da primeira consulta feita à pessoa.

O ritual de colocação de colares é de uma beleza formidável e inicia a pessoa na Santeria. Passa a ser acompanhado pelo seu Padrinho de Santo, que ajuda todos os passos seguintes de maneira a compreender como funciona esta religião e os procedimentos necessários, a partir de agora. Nesta fase, o Oloricha começa a ser saudado pelo seu afilhado como Padrinho, num ritual de saudação próprio nesta religião.

 

2 ETAPA - RECEBER OGUN E ELEGUÁ

Nesta segunda fase da iniciação, pode passar meses ou anos dependendo da aprendizagem do iniciado e quando o Padrinho acha que chegou a fase de avançar, então serão dados um Eleguá da porta e um Ogún. Esta cerimónia é bastante mais complexa que a primeira, pois o iniciado começa a ter a capacidade de poder contactar diretamente dois Orichás, e uns dos mais importantes nesta religião.

O sacrifício de animais como procedimentos de limpeza acontece de forma a limpar a pessoa de quaisquer Osogbos (problemas) ou Araye. Nesta fase da vida do afilhado, é dado a conhecer a forma de dar coco a Obi. Aprende o dialeto Yorubá, como saudar a maioria dos Orichás, as suas oferendas, cores dos colares entre outros ensinamentos importantes. Nesta fase passa por um aumento significativo de conhecimentos e passa a poder contar com a proteção e orientação de dois Orichás.

 

3 ETAPA - SER INICIADO COMO OLORICHA (PAI DE SANTO)

Dependendo do tempo e da realização das suas obrigações perante o Orichá tutelar da pessoa, este passo significa o último patamar nesta religião. É como se chegasse ao fim da meta, em que essa pessoa recebe definitivamente o titulo de Oloricha (Pai de Santo) ou Iyalocha (Mãe de Santo). Passa por imensos rituais de sacrifício e de limpeza, em que vai levar a ter sempre presente o seu Orichá tutelar consigo. Nesta religião todos os seus Orichás são levados para a sua casa, não ficando nenhum entregue ao encargo do seu Padrinho. Aqui é da inteira responsabilidade do novo santeiro o cuidado dos seus Orichás. Passa um ano de obrigações perante o seu Itá (livro da sua vida) e necessariamente terá de fazer um ebbó meta aos três meses após ter feito o seu Santo. No final do ano de obrigações será feita uma cerimónia de entrega do quarto de Santo e o conhecimento das ervas sagradas (ewe) por parte do seu Padrinho. Nesta fase é chamado como Iyawo (criança ou iniciado) até fazer um ano de Santo. A partir daí será chamado de Oloricha. 

 

4 ETAPA - SESSÃO ESPIRITUAL OU BÓVEDA ESPIRITUAL

Dependendo da sua casa de Santo esta cerimónia pode ser feita antes ou depois da sua iniciação. É uma forma de sabermos quais são os cuidados que deve ter perante os seus Eggúns (espíritos ancestrais) e o que eles lhe desejam transmitir. É uma cerimónia sagrada que nos leva a entrar num mundo espiritual bastante intenso, e que leva a entender muito a nossa caminhada por esta religião. Algumas casas de Santo optam por não fazer esta cerimónia, que eu acho ser fundamental para o crescimento do nosso Oloricha. 

De alguma forma simplificada termino esta explicação dos passos a dar nesta religião e aconselho profundamente a se inteirar de todos os pormenores antes da escolha da sua Ilé de Ocha, e do seu futuro Padrinho. 

 

 

Okanbi

Com a bênção do meu Pai Aggayú e Yemanjá

Para qualquer outra questão sobre este texto, pode-nos escrever para o nosso correio eletrónico e darei mais explicações ou retirarei dúvidas.

 

 

Comentários   

#3 Ricardo Veríssimo 23-03-2017 11:00
Olá,
Me chamo Ricardo Veríssimo e faço parte do Terreiro de Candomblé Ilé
àse Egbé Awo e gostaríamos de realizar um intercambio para conhecermos e aproximarmos das religiões de matriz africa... Buscamos com esse contato poder conhecer e desenvolver no Brasil um trabalho de enfrentamento a intolerância religiosa.

Certo de sua total colaboração. Aguardo contato para iniciarmos um trabalho novo em todo território Brasileiro

Atenciosamente,

Ricardo Veríssimo
Citar
#2 Okanbi 08-05-2015 08:35
Bom dia.
Fazemos consultas à distância, bastando para isso preencher o formulário para consulta. Depois recebe um email com todos os detalhes.
Obrigado
Citar
#1 Jorge Ferreira 07-04-2015 22:11
Boa noite, pergunto fazem consultas a distancia, eu estou na Ilha da Madeira. Obrigado
Citar

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Categoria: