Nossa Localização

Localização

ANASTÁCIA

Centro de Terapias Alternativas

Textos de Santeria

O mundo dos Orichas

CONHEÇA E PERCEBA ESTA RELIGIÃO AFRICANA

Este “blog” foi criado com o objetivo de clarificar o que é a Santeria Cubana ao público Português. Muito se fala de Santeria, mas poucos realmente sabem do que se trata. Neste “website” mostro as diversas linhagens que existem nesta religião, sem, no entanto, entrar em muitos pormenores. Como sabe, esta religião foi passada de pai para filho, sempre de forma oral, e desta forma perdeu-se muita informação durante os últimos séculos. Sendo assim, os textos que aqui coloco serão só um ponto de vista, e da minha ilé de Ocha (casa de santo) que pertenço. Sabemos nós que alguns estudiosos e Oriatés desejam sempre mostrar serem eles os sabedores desta religião, mas lembro que nenhum Oloricha, Santero, Oriaté ou Babalawo possui a sabedoria total e sendo assim não devemos falar em verdades “absolutas”.

Aqui neste espaço vamos debater temas e falar abertamente sobre o que é a Santeria, as suas crenças, os seus Orichas e a sua forma de pensar, que passa por desmistificar tabus e crenças que o público, em geral, tem sobre esta religião Yorubá. Desta forma vamos esclarecer aos estudiosos e crentes que a Santeria não passa de uma evolução espiritual real e assenta em princípios históricos, com bases religiosas muito fortes, sobre a caminhada do ser humano na terra. Quando falamos da Santeria, queremos saber do que se trata, se acreditamos em DEUS, e de que forma fazemos essa devoção. Conhecida como “Regra de Ocha”, a esta foi atribuída uma imagem quase sempre negativa, por parte de certas pessoas, talvez por pertencerem a outras religiões, grupos religiosos ou seitas, que se sentiram com autoridade moral para fazer certos comentários, afirmações, criticas e ataques com a maior maldade, sem saber absolutamente nada desta bela religião. Acredito, que esses crentes sentem-se defraudados, enganados ou confundidos pela sua religião porque chegaram à conclusão de que aquela à qual eles dedicaram toda a sua vida, está cheia de erros, enganos e maldade. Por isso, se quer aprender mais sobre esta bela religião, então consulte os textos colocados aqui neste blogue, e desfrute do conhecimento adquirido durante muitos séculos por este povo.
 
Desde já o meu obrigado,
Okanbi / Omo Algallú.
 

ODDUS DE OCHA

Quando falamos dos Oddus de Ocha na Santeria, dizemos principalmente que é uma das formas de comunicação entre os Orichas e o ser humano. Acredita-se que Olorun, o Omnipotente, Deus no dialeto africano, criou os quatros elementos: a terra, a água, o fogo e o ar. Destes, foram gerados os elementos da natureza, que geraram todas as coisas vivas sobre o planeta. Foram atribuídos a cada um destes elementos quatro Oddus, ou seja, quatro signos interligados dos destinos.

saiba anastacia2021

Aggayú

 Aggayú - Algallú

Aqui irei falar do meu Orichá tutelar ou seja Algallú ou Aggayu. Este Orichá é a meu ver um Santo que muita boa gente desconhece, não por ser temido, mas por haver muito desconhecimento sobre este Orichá.

Asowuano

Asowuano - Omulu - Obaluaê - Babalú Ayé

Uma vez Olusi (o Diabo) disse a Olofi que na terra não ficará um homem por tentar e que não tenha nenhum caído em tentação. Olofi disse que ainda restava um e que esse jamais cairia em tentação em renegar contra ele e que nunca faltaria ao respeito.

Candomblé

Candomblé

Tem me chegado pedidos de informação como se processa uma iniciação ou raspagem no Candomblé. Como sabem não fui iniciado pelo Candomblé mas respeito profundamente quem é o fez.

Aborto

Aborto e a Santeria

Com muito respeito a este tema é um assunto demasiado delicado para criar uma controvérsia e efeitos negativos, que geralmente cria divisões em muitas sociedades religiosas pelo mundo. Mas, devemos pensar de um modo yourubá.

Changó

Changó - Xangô - Shango

Changó é Onu (Rei Absoluto), porque na sua primeira etapa na terra foi Ozabelli, ou mesmo Oddú em pessoa. É por este motivo que quando se menciona Changó em qualquer coisa de Santo há que levantar-se um bocado do assento.

Crença

A nossa crença

Aqui expomos uma ideia do que acreditamos e mostramos com clareza os nossos pontos de vista de uma crença geral do que é a nossa religião. Não vou entrar em grandes pormenores, mas irei tocar no essencial.

Ebbo Meta

Ebbo Meta

Kelly ou Ebbo Meta é uma etapa dos três meses, e é uma das cerimónias muito importantes, que se estabelece na tradição Yorubá. Todo o iniciado deve realizá-la depois dos três meses de ter feito a coroação do seu Oricha tutelar.

Elleguá

Elleguá - Eschu - Exú - Elegwa

Para mim Eleggwá será um dos Orichás que mais sinto presente na minha vida, não por ser o meu Orichá tutelar, mas sempre que está no meu caminho, muito me honra a sua presença na minha vida.

Ervas de Ossain

Ervas de Ossain
O Oricha dono das folhas é Osain, oricha do sexo masculino, que quer dizer: "dia glorificado ou manhã glorificada", já que o dia é glorificado, diziam os nossos ancestrais, as folhas devem ser colhidas pela manhã cedo.

Falsas seitas

Falsas seitas religiosas na Santeria

Ashé a todos. Os Terreiros ou Ilés pertencentes às religiões Afro-brasileiras ou Cubanas, possuem uma relação de interligação entre si, na forma de adorar, respeitar os Orichás e o Divinal, independentemente da filosofia, arte ou religião.

Addimus

Addimus

Os ebós são oferendas feitas para Orixás, Odú, Eguns e outras divindades para diversas finalidades, sejam elas feitas para apaziguar algum problema, em forma de agradecimento de alguma graça atingida.

Boveda Espiritual

  • Categoria: Santeria
  • Publicado em terça, 26 junho 2018 11:49
  • Escrito por Okanbi / Omo Aggayú
  • Visualizações: 18028
Sessão ou Boveda Espiritual
Aqui deixo uma breve explicação de como se desenvolve uma sessão espiritual, baseado em testemunhos e por experiência própria. Levanto um pouco do véu do que se passa numa sessão espiritual e como devemos procurar nesta sessão os nossos guias e espíritos do passado.

Cascarilha

Virtudes da Cascarilha (Pemba)

A cascarilha é um dos mais antigos talismãs que se conhece, desde a antiguidade. Tem como matéria-prima o calcário, rochas sedimentares, composto de ferro, argila, cálcio, calcita, fluorita, entre outros minérios naturais.

Consulta Obi

Consulta com Obi

O coco é usado tanto pelo Santero como também pelo Babalawo, e com eles perguntamos aos Orichas o que é que desejam. Pode ser usado por alguém que não tenha feito Santo, mas que já tenha os seus colares ou os seus guerreiros.

Ébos

Sobre os Ébos e Oferendas

Os ebós são oferendas feitas para Orixás, Odú, Eguns e outras divindades para diversas finalidades, sejam elas feitas para apaziguar algum problema, sejam feitas em forma de agradecimento de alguma graça atingida.

Ellekes

Imposição dos Colares (Ellekes)

Depois de ter cumprido com o morto, a pessoa que procura participar nesta religião, necessita saber qual é o Santo ou Oricha que vai proteger quando chegar o momento de receber o Santo.

Ewe dos Orichas

Ewe dos Orichas
A Mãe Natureza proporciona ao homem uma infinidade de plantas com valores medicinais. A nossa flora e a natureza constituí uma fonte inesgotável de saúde e os nossos ancestrais sempre souberam aproveitar-se dessa riqueza.

Fazer Santo

  • Categoria: Santeria
  • Publicado em sábado, 22 setembro 2012 12:22
  • Escrito por Osvaldo Shangó
  • Visualizações: 12502
Porque deve fazer Santo?

Todas as pessoas existentes no nosso planeta não estão destinadas a "fazer Santo" ou Kari Osha como é a sua autêntica denominação em dialeto arausa. Só algumas pessoas específicas, que são orientadas invisivelmente para este sagrado passo.

Morada

Rua do Xisto 150 . Maia . Portugal
Tel: 96576 3788 
Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Aqui tem acesso à nossa morada e dados de contacto. Após a sua visita “online”, aguardamos a sua visita presencial.

 

Newsletter

Inscreva-se na nossa lista de e-mails e será atualizado com as últimas notícias.

Registar na newsletter